Verbas indenizatórias

 

Desde 2015, o nosso mandato não utiliza recursos da verba indenizatória e nem de correspondências. O parlamentar também abriu mão do uso dos dois carros oficiais da presidência da Câmara Legislativa. No momento de crise pelo qual passamos, no DF e no Brasil, reforça em nós o compromisso com a implementação de medidas e a busca de soluções. Neste sentido, temos o dever de dar nossa contribuição para a redução de gastos públicos. No primeiro ciclo do nosso mandato, utilizamos recursos com muita consciência, transparência e focados em ações importantes para a nossa cidade e para a qualificação do nosso mandato colaborativo.

 

Página atualizada em 01/02/2017